História

por Interlegis — última modificação 18/07/2018 15h43
Textos sobre a história da Casa Legislativa, desde sua criação, bem como, fotos, vídeos, áudios, entre outros.

História da Câmara

A Câmara Municipal de Francisco Sá foi fundada no dia 08 de setembro de 1984 sob a presidência do então vereador Dr. José Celestino Rodrigues. Funcionando no edifício Adalberto Batista (Zinzin) fixou-se seu endereço à Avenida Getúlio Vargas, n.º 1.014, no centro de Francisco Sá. Em 2012 tiveram início as suas obras de ampliação e reforma. Em 29 de abril de 2015, sob a presidência da então vereadora Schirlene Ribeiro Ruas, as mesmas foram inauguradas. A Câmara conta hoje, em sua estrutura funcional com os setores de: Contabilidade, Controladoria Interna, Secretaria, Assessoria Jurídica, Licitações, Motorista, Telefonia e Serviços Gerais. De um total de 11 colaboradores, tem-se 08 servidores efetivos, 02 com cargo em comissão e 1 contratado. A Câmara possui 11 vereadores. ========================================= OUTRAS INFORMAÇÕES: ========================================= Nome fantasia:CÂMARA MUNICIPAL DE FRANCISCO SÁ.___________________________________________ Razão Social: FRANCISCO SÁ CÂMARA MUNICIPAL_____________________________________ CNPJ: 25.217.381/0001-96________________________ Data da abertura: 12/06/1990______________________ Status da empresa: Ativa___________________________ Endereço: Av. Getúlio Vargas, 1014, Centro, Francisco Sá, MG, CEP 39580-000, Brasil____________________________ Natureza jurídica: 106-6 - Órgão Público do Poder Legislativo Municipal_______________________________________ Atividade econômica principal: Administração pública em geral - CNAE 8411600

História da Câmara - Leia mais…

História da Cidade

Em 1704, o capitão Antônio Gonçalves Figueira, proprietário das fazendas Jaíba, Olhos D’água e Colônia Montes Claros, desejando ligar esta última ao Rio Gorutuba e dali aos currais da Bahia, em meados de outubro, organizou uma pequena expedição com número provável de 20 trabalhadores, inclusive índios, e partiu de sua Colônia em direção ao nordeste. Depois de alguns dias de viagem, a expedição chegou a um lugar próximo da serra Catuni ou Decamão. Já sendo tarde, o capitão decidiu acampar ali mesmo com seus comandados, dando ao local a denominação de Cruz das Almas das Caatinga do Rio Verde, em razão de correr o Dia de Finados. Ali mandou erigir um cruzeiro e, lançando assim os fundamentos do futuro município, profetizou que o lugarejo se tornaria um comércio próspero, não só pela sua posição geográfica, como também pelas riquezas naturais de suas terras. No ano de 1867, o então distrito passou a ser chamado de São Gonçalo do Brejo das Almas, subordinado ao município de Montes Claros. Em 1923, foi elevado à categoria de município com o nome de Brejo das Almas, desmembrado de Montes Claros e Grão Mogol. Em 1948, a localidade passou a ser reconhecida por sua atual denominação.Francisco de Sá deve seu nome atual ao Dr. Francisco Sá, que, além de engenheiro, foi, durante muitos anos, Ministro da Viação e Obras Públicas.

História da Cidade - Leia mais…

Ações do documento